5 de out de 2017

Lembrar

Como falar de saudades se,
Não falarmos de lembranças!
Assim escreve-se a história de muitos amores,
Dores,
Cores, de pele e de alma!

Tenho lembranças de quando teu sorriso se disfarçava,
Teus olhos se desviavam dos meus!
Teus pelos no entanto,
Não conseguiam evitar o arrepiar da atração de nossas almas.
Confessar que lembro de todos os momentos?
Mentiria...
Pois pra mim, ainda estão aí, no ar.
Lembrar!
Como falar assim se nunca te esqueci.

1 comentários:

Anônimo disse...

Apaixonado de novo????

clique